ETEC Prof. Horácio Augusto da Silveira

Código: 064

Município: São Paulo

Eixo Tecnológico: Gestão e Negócios

Habilitação Profissional: Técnico em Logística

Qualificação: Técnico em Logística

Módulo: 3º

Componente Curricular: Gestão da Qualidade Total

C.H. Semanal: 2,5

Professores: Thaís Caé Silva e Nivaldo Troiano

 

I – Atribuições e atividades profissionais relativas à qualificação ou à habilitação profissional, que justificam o desenvolvimento das competências previstas nesse componente curricular

Assegurar que os processos necessários para a Gestão da Qualidade Total sejam estabelecidos, implementados e mantidos.

Facilitar o conhecimento da administração sobre o desempenho da Gestão da Qualidade Total e a necessidade de melhoria.

Estabelecer e listar políticas, objetivos e procedimentos da GQT existentes e aplicáveis e desenvolver planos para tal;

 


II – Competências, Habilidades e Bases Tecnológicas do Componente Curricular

 

 

Competências

 

 

Habilidades

 

 

Bases Tecnológicas

 

1.Estabelecer relações entre a política de qualidade da empresa e as operações logísticas de: entrada, transformação e saída.

2. Identificar nos controles internos dos processos operacionais logísticos desvios de qualidade.

3. Diagnosticar os desvios de qualidade relativos aos processos de logística.

4. Analisar causas dos desvios de qualidade.

5. Identificar características de processos de produção e as necessidades logísticas para o correto desempenho operacional.

 

1.1  Aplicar teorias de qualidade ;

1.2  Identificar políticas de qualidade total nas organizações.;

1.3  Identificar as operações logísticas das organizações;

1.4  Identificar os diversos processos que permitem a detecção e prevenção de problemas que afetam a qualidade total.

2.1  Atender os procedimentos de controle de qualidade de suprimentos, de produção de produtos e serviços e dos processos de entrega aos clientes.

2.2.  Utilizar a documentação necessária para registrar os processos e seu acompanhamento.

2.3.  Acompanhar níveis dos serviços de logística de entrada, produção e de saída.

3.1. Identificar os desvios de qualidade e emitir relatórios de diagnósticos.

4.1. Selecionar as ferramentas de qualidade para aplicação em situações problema.

4.2.  Aplicar as ferramentas de qualidade para identificação das causas.

4.3.  Propor correções com base nos resultados da aplicação das ferramentas de qualidade.

4.4 . Acompanhar melhorias definidas pela organização.

5. Utilizar diferentes tipos de operações logísticas de produção, de acordo com as condições de leiaute e sistemas de produção adotados.

 

1.1. Contexto e evolução da qualidade

1.2. Conceitos de qualidade total

1.3. Tipos de sistemas de logística interna e externa e suas necessidades básicas

1.4. Conceitos de detecção e prevenção que garantam a garantia da qualidade

1.5  Planejamento de logística de entrada, operação e de saída

1.6    Ferramentas da qualidade

1.7    Medidas de tendência central

1.8    Distribuição normal

2.1. Documentação de operação e de processos de logística

2.2. Ciclo de suprimentos, produção e distribuição externa

2.3. Instrumentos para a correção dos desvios

3.1. Conceitos de detecção de problemas, prevenção, variação, causas de variação, ações no local e no sistema

4. Noções de gestão de ferramentas de qualidade

5.1.Gestão de Processos:

                    processos de produção e serviços

                    pontos críticos

                    reengenharia

                    engenharia reversa

                    leiaute

5.2. Características dos sistemas de logística:

                    de entrada

                    de transformação

            de distribuição

 

 

III – Plano Didático

Habilidade

Base Tecnológica

Procedimento Didático

Cronograma

 Dia / Mês

1.1  Aplicar teorias de qualidade ;

1.2  Identificar políticas de qualidade total nas organizações.;

1.3  Identificar as operações logísticas das organizações;

1.4  Identificar os diversos processos que permitem a detecção e prevenção de problemas que afetam a qualidade total.

1.1.  Contexto e evolução da qualidade

1.2.  Conceitos de qualidade total

1.3.  Tipos de sistemas de logística interna e externa e suas necessidades básicas

1.4.  Conceitos de detecção e prevenção que garantam a garantia da qualidade

1.5  Planejamento de logística de entrada, operação e de saída;

 1.6 Ferramentas da Qualidade

Aulas expositivas, desenvolvimento de atividades individual e em grupos através de exercícios e estudos de casos.

07/02 a 24/03

3.1. Identificar os desvios de qualidade e emitir relatórios de diagnósticos.

3.1. Conceitos de detecção de problemas, prevenção, variação, causas de variação, ações no local e no sistema

Aula expositiva. Avaliação Individual Escrita.

31/03 a 07/04

4.1. Selecionar as ferramentas de qualidade para aplicação em situações problema.

4.2.  Aplicar as ferramentas de qualidade para identificação das causas.

4.3.  Propor correções com base nos resultados da aplicação das ferramentas de qualidade.

4.4 . Acompanhar melhorias definidas pela organização.

4. Noções de gestão de ferramentas de qualidade

Aulas expositivas, desenvolvimento de atividades em grupos através de exercícios e estudos de casos.

Avaliação Individual Escrita

14/04 a 05/05

2.1  Atender os procedimentos de controle de qualidade de suprimentos, de produção de produtos e serviços e dos processos de entrega aos clientes.

2.2.  Utilizar a documentação necessária para registrar os processos e seu acompanhamento.

2.3.  Acompanhar níveis dos serviços de logística de entrada, produção e de saída.

2.1. Documentação de operação e de processos de logística

2.2. Ciclo de suprimentos, produção e distribuição externa

2.3. Instrumentos para a correção dos desvios

Aula expositiva com Estudos de Caso. 

12/05 a 26/05

5. Utilizar diferentes tipos de operações logísticas de produção, de acordo com as condições de leiaute e sistemas de produção adotados.

5.1 .  Gestão de Processos:

                    processos de produção e serviços

                    pontos críticos

                    reengenharia

                    engenharia reversa

                    leiaute

5.2. Características dos sistemas de logística:

                    de entrada

                    de transformação

            de distribuição

Aula expositiva com debate em sala.

02/06 a 16/06

 

Apresentação Trabalho baseado em Estudo de Caso englobando matéria estudada no semestre.

Apresentação de Trabalhos/ Devolução e Correção.

23/06 a 30/06

 

    IV - Plano de Avaliação de Competências

Competência

Indicadores de Domínio

Instrumento(s) de Avaliação

Critérios de Desempenho

Evidências de Desempenho

1.Estabelecer relações entre a política de qualidade da empresa e as operações logísticas de: entrada, transformação e saída.

Conhecimento de conceitos básicos de Qualidade Total e sua relação com as operações logísticas.

Atividades e Estudo de Casos fixando principais conceitos

Domínio de conceitos expressos com clareza. Relacionamento de conceitos.

Desempenho teórico de principais conceitos.

2. Identificar nos controles internos dos processos operacionais logísticos desvios de qualidade.

.

Aplicar os conceitos teóricos nas atividades

organizacionais inerentes à Logística.

Debate em sala; atividades em grupo com exemplos práticos. Participação.

Relacionamento de conceitos com a prática

Através de debates, clareza na formação das idéias vinculadas ao conteúdo apresentado.

3. Diagnosticar os desvios de qualidade relativos aos processos de logística.

Conhecimento dos desvios da qualidade e capacidade de análise dos mesmos.  

Estudo de caso

Avaliação Escrita Individual

Senso crítico e coerência com a realidade.

Coesão e coerência na argumentação textual, criatividade e análise crítica dos fatos.

Resolução das situações propostas baseada nos conteúdos.

 .

4. Analisar causas dos desvios de qualidade.

Aplicar todo o conteúdo adquirido até o momento na análise crítica dos desvios de qualidade já estudados.

Debates, estudos de casos e tarefas dirigidas

Clareza de idéias, viabilidade e participação.

Senso crítico e coerência com a realidade.

Coesão e coerência na argumentação textual, criatividade e análise crítica dos fatos.

5. Identificar características de processos de produção e as necessidades logísticas para o correto desempenho operacional.

Utilizar conceito de Processos para garantir desempenho operacional dentro das normas de qualidade total.

Debates, Apresentação de trabalho em grupo (estudo de caso para aplicação de todo conteúdo analisado)

Clareza de idéias, análise crítica do conteúdo e participação.

Através dos debates a clareza na formação de idéias. Seminário Estudos de Casos Práticos aplicando corretamente ferramentas de qualidade e demais tópicos do conteúdo estudado.

 

·        indicadores, instrumentos, critérios e evidências deverão ser identificados por competência. (vide “subsídios para a elaboração do Plano de Trabalho Docente”)


V – Material de Apoio Didático para Aluno (inclusive bibliografia)

FILHO, Geraldo Vieira. Gestão da Qualidade Total – Uma abordagem prática – São Paulo: Editora Alínea, 2007.

LONGO, R. M.J.; Gestão da Qualidade: Evolução Histórica, Conceitos Básicos e Aplicação na Educação. Brasília, IPEA,1996

___.  NBR ISO 9001:2000: Sistemas de gestão da qualidade: requisitos. Rio de Janeiro, 2000

___.  Gestão de Processos. SENAI; Brasília, 2008

 

VI – Estratégias de Recuperação Contínua e Paralela (para alunos com baixo  rendimento/dificuldades de aprendizagem)

Será feita a recuperação contínua para os alunos com aproveitamento insatisfatório, por meio de atividades, recursos e metodologias diferenciadas e individualizadas com a finalidade de eliminar ou reduzir dificuldades que inviabilizam o desenvolvimento das competências.

 

VII – Identificação:

Nomes dos professores: Thaís Caé Silva e Nivaldo Troiano.

Assinatura:                                                                             Data:  24/02/2011

 

VIII –  Parecer do Coordenador de Área: o Plano de Trabalho Docente está de acordo com o Plano de Curso e está coadunado com o que estabelece o componente curricular.

Nome do Coordenador: Élbio Tomás de Oliveira

        Assinatura:                                                                            Data: 28/02/2011